Consultas de Nutrição Online

Sobre a minha convidada nº 1…

Nutribanza / Estilos de Vida  / Sobre a minha convidada nº 1…
1ª convidada

Sobre a minha convidada nº 1…

Desde que tive a ideia de fazer as Tardes de Nutrição no Bosque, soube que tinha de arranjar uma forma de partilhar um pouco das minhas convidadas, sem nunca revelar o conteúdo da nossa conversa privada!! 😛 ehehe

Em primeiro lugar quero esclarecer já algo muito importante, a ordem das convidadas não tem nenhum motivo para lá da compatibilidade de agendas! 😉

Todas as convidadas irão receber uma lista de perguntas, algumas (muitas talvez) até podem ser repetidas, pois de certo modo acho que podem enquadrar-vos um pouco sobre o rumo da nossa conversa não revelada! 😉

 

 

Convidada das tardes de Nutrição no Bosque

A Sofia não gosta de dizer que é uma Instagrammer…muito menos Influencer! 😀 ehehe , mas sei que para muitos gente é uma boa mistura dos dois! 😉 Procuren no Instagram @sofianacidade e vão ver do que falo! :p Talvez por isto mesmo, tenha visto nela, um grande desafio nutricional para mim e um modo de tentar fazer passar a mensagem correcta da nutrição, num mundo cada vez mais nutricionalmente desequilibrado!!!! 😉 Embora as teias das nossas vidas já há muito estavam destinadas a cruzarem-se um dia, duvidam? Se vos disse-se que crescemos na mesma margem e que a filha ela e o meu filho com alguns anos de diferença, tiveram no mesmo colégio e com um elemento fundamental na educação de ambos!! 😀 ehehe

A ela lancei-lhe estas perguntas, com a indicação / pedido que fossem respostas rápidas tipo directas:

 

  • Qual a tua relação com a comida?
    R: é uma relação complicada.
  • Comer bem é?
    R: comer de tudo, mas com equilíbrio e moderação.
  • Qual a tua refeição preferida do dia?
    R: o pequeno-almoço, sem dúvida!
  • Se tivesses de escolher um só grupo da roda dos alimentos para viver durante um tempo, qual escolherias?
    R: o meu coração diz proteínas por causa dos ovos ( não vivo sem ovos) mas a minha cabeça diz vegetais.
  • Qual o teu alimento favorito?
    R: chocolate.
  • Alimento, ou alimentos que não gostas nada?
    R: esta é a pergunta mais fácil… Queijo! Nunca comi um bocado de queijo, mas tenho a certeza que não gosto. No máximo dos máximos como mozzarella derretida nas pizzas, mas tem mesmo que estar bem derretida!
  • Se fosses um alimento qual serias? Porquê?
    R: chocolate porque eu cá sou doce, doce, doce, doce 😬
  • O que achas da frase “somos o que comemos?”
    R: concordo plenamente. Sei que se me alimentar de forma correcta me vou sentir muito melhor e isso vai influenciar a minha vida de forma positiva.
  • Terrorismo nutricional…achas que existe? Se sim, para ti o que é?
    R: não sei se existe terrorismo nutricional, mas acho que vivemos uma época muito confusa a esse nível. Se por um lado nunca estivemos tão bem informados, por outro parece que não sabemos o que fazer na prática com essa informação.
  • Nutrição para ti é?
    R: um bicho de sete cabeças! Estou a brincar, mas na realidade é uma ciência da qual eu sei apenas o básico.
  • Cozido, assado, ao vapor, ou frito?
    R: assados!
  • Podes partilhar uma receita que gostes? Seja saudável, ou ideal para dias de excepção? 😉
    R: o meu repertório é muito mais vasto em receitas gordas, mas aqui fica a minha tentativa de Caril de Grão saudável.

 

CARIL DE GRÃO

INGREDIENTES:

3 cebolas médias

3 dentes de alho

1 mão cheia de coentros

1/2 pimento vermelho

Azeite qb

Cominhos

Açafrão

Caril

2 c/sopa de polpa de tomate

1 iogurte natural

1 lata pequena de leite de coco

1 frasco de grão

 

PREPARAÇÃO:

Deitar o azeite na panela até cobrir o fundo e refogar bem as cebolas, os alhos, o pimento e os coentros.

Juntar depois uma colher de sopa de cominhos ao refogado, mais uma colher de chá de caril e outra, mal cheia, de açafrão. Deixar apurar em lume baixo mais ou menos 10 minutos.

Em seguida passar tudo com a varinha até obter um puré.

A esse puré junta-se duas colheres de polpa de tomate, um iogurte natural e uma lata pequena de leite de coco.

Volta-se a passar com a varinha até ficar cremoso. Corrige-se os temperos e junta-se o sal a gosto. Em seguida leva-se ao lume e deixa-se mais 10 minutos  para ficar apurado.

Entretanto escorre-se um frasco de grão (daqueles de vidro) e junta-se ao caril envolvendo bem. Deixa-se um minutinho ao lume só para aquecer o grão e já está.

Bom apetite!

 

Falafel

 

 

Obrigada Sofia, pelo belo almoço no Bosque Bio!

 

Que a minha teimosia e persistência, sejam fortes o suficiente para te ajudar a enfrentar de uma forma saudável o mundo “simples” da nutrição! 😉

Partilhar

Sem comentários

Submeta um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.